Humberto foi contra a propostas beneficia milhões de Brasileiros



No Brasil, Mais de 100 milhões de pessoas não têm acesso à coleta de esgoto e 35 milhões dessas pessoas não recebem água potável em sua residência. A falta de acesso a esses serviços de saneamento básico contribui para a proliferação de varias doenças como a covid-19, leptospirose e outras doenças dessa área O Senado aprovou nesta quarta (24) projeto (PL 4.162/2019) agora vai mudar as regras para o fornecimento de água e de esgoto, além de prorrogar o prazo para o fim dos lixões. Para virar lei, a proposta precisa apenas da caneta do Presidente da República.



Humberto Costa e todos os senadores do PT que tem em sua imagem a defesa pelas classes mais baixas da população votaram contra a proposta que vai beneficiar milhões de Brasileiros.


Davi Peixoto

Fonte: Agência Senado

Fotos. pixabay

0 visualização

© 2020 Todos os direitos reservados Criado por DPagencia